5 erros que você provavelmente comete com a sua pele
17 de novembro de 2020
Como se formam as rugas e de que forma preveni-las?
19 de novembro de 2020

Alimentos que prejudicam a pele

Não são só os cuidados com a limpeza e hidratação da pele que contam para garantir uma pele saudável, com viço e brilho. A alimentação também é um fator determinante para mantê-la em dia.

É claro que existem alimentos mais oleosos e gordurosos, que prejudicam a pele mais do que produtos naturais, por exemplo. Mas, via de regra, o ideal é sempre manter refeições balanceadas e prezar pelo equilíbrio, sem exageros. É possível comer tudo aquilo que gosta, desde que em quantidades pequenas.

 

Mas, de que forma a alimentação pode prejudicar a saúde da pele?

Uma dieta desregulada e com excesso de gordura e açúcar, por exemplo, pode interferir diretamente na produção das glândulas sebáceas, que mexem com o funcionamento do intestino e pioram a pele. Dessa forma, a pele pode ficar mais oleosa e com acne.

A Farnese listou 5 alimentos que podem ser responsáveis por prejudicar sua pele. Anote!

 

1-Açúcar refinado

Açúcar e todos os itens que são ricos nesse ingrediente, como refrigerantes, balas, doces, amentam os níveis de insulina no sangue de forma repentina, contribuindo para a produção de hormônios andrógenos, que acentuam a oleosidade da pele.

 

2- Carne vermelha

A carne vermelha, em excesso, também pode ser vilã da pele, já que possui gordura saturada, tal como os fast foods (pizza, hambúrguer e batatas fritas). Ou seja, todos esses itens desequilibram a microbiota intestinal, causando processos inflamatórios no corpo e, como consequência, na pele.

 

3- Soja e derivados

Em grande quantidade, os produtos que contém soja interferem na produção de hormônios femininos, como o estrogênio. Esse desequilíbrio pode desencadear a acne, especialmente em pessoas com predisposição.

 

4- Sal refinado e temperos industrializados

Os temperos e os produtos que os contemplam em altas quantidades deles entre os ingredientes, como os processados, também geram inflamações no organismo, contribuindo para o aumento das glândulas sebácea e da oleosidade.

 

5- Bebidas alcoólicas

O álcool, consumido em excesso, afeta a absorção do zinco pelo organismo, que é um dos princípios ativos mais poderosos no combate à oleosidade da pele e à acne.